O que é a lactose? - Apsen Farmacêutica - O cuidado que transforma!
Siga-nos!

Siga-nos


Saúde Digestiva

Encontre aqui no blog Lactosil matérias sobre os benefícios do leite e seus derivados, o universo da gastroenterologia como a restrição alimentar e a má digestão da lactose, receitas e qualidade de vida e bem-estar.

5 de outubro de 2020 (12 meses atrás)

O que é a lactose?

Hoje vamos falar sobre a lactose. A seguir, você vai descobrir o que é a lactose, seus efeitos em nosso organismo, quais alimentos possuem esse açúcar e muitas outras informações.

 

lactose

O que é lactose e para que ela serve?

 

A lactose é um carboidrato que dá o gosto adocicado ao leite de origem animal. Essa molécula é transformada em energia pelo nosso organismo, para abastecer nossas células, mas para que isso aconteça, a lactose precisa ser quebrada em duas partes menores em nosso intestino, que facilitam a sua absorção. Assim, a lactose é transformada em galactose e glicose, e a responsável por essa “quebra” é a enzima lactase, que falaremos dela um pouco mais adiante.

 

Quais os benefícios da lactose?

 

Ao consumir a lactose, estimulamos o nosso intestino a produzir bactérias benéficas. A sua ingestão também reduz o pH intestinal, regula o intestino e aumenta sua resistência, além de proporcionar uma melhor absorção de nutrientes como o cálcio, magnésio, zinco e manganês.

 

Quais alimentos contêm lactose?

 

De modo geral, leites de origem animal e seus derivados possuem lactose. Abaixo alguns exemplos de alimentos que contêm esse carboidrato:

  • Leite
  • Requeijão
  • Creme de leite
  • Leite condensado
  • Queijos
  • Iogurtes
  • Manteiga e margarina
  • Cream Cheese
  • Chantilly
  • Leites fermentados

 

Mas além dos já conhecidos leites e seus derivados, existem outros alimentos possuem este carboidrato do leite – em uma menor quantidade – e você nem sequer desconfia. Veja alguns:

  • Batatas chips – elas podem conter manteiga e leite em suas versões saborizadas, como as de queijo.
  • Carnes processadas, como salames e presuntos – alguns produtores utilizam o soro do leite, leite em pó e manteiga na composição desses alimentos.
  • Molhos para saladas – para garantir cremosidade e espessura, os fabricantes podem incluir manteiga, queijo e leite em pó na composição do produto.

 

Quais os efeitos da lactose no nosso organismo?

 

Quando o nosso organismo possui deficiência para realizar a quebra dessa lactose, faz com que ela chegue inteira no intestino grosso e cause alguns efeitos em nossos corpos, como inchaço e má digestão.

 

E o que é má digestão da lactose?

 

A má digestão ocorre exatamente pelo motivo acima, quando nosso corpo não produz, ou produz em quantidade insuficiente, a enzima lactase, responsável por quebrar a lactose e facilitar a sua absorção pelo nosso organismo. Isso faz com que a lactose seja fermentada pelas bactérias do intestino grosso, o que gera a má digestão da lactose. Essa má digestão pode trazer diversos desconfortos em nosso corpo, sendo os principais deles:

 

  • Diarreia
  • Náuseas e vômitos
  • Dor abdominal
  • Inchaço

Como a fermentação da lactose produz muitos gases, outros desconfortos também podem ser sentidos em alguns casos, sendo eles:

 

  • Prisão de ventre
  • Dor de cabeça
  • Perda de concentração
  • Cansaço ou dor muscular

 

Como aliviar os desconfortos da má digestão da lactose?

 

Como falamos, a lactose pode causar alguns desconfortos em nosso organismo. O melhor a se fazer caso esses desconfortos apareçam, é tomar bastante água e evitar o consumo de leite e seus derivados até que passe. Caso os episódios se tornem frequentes, o ideal é avaliar, junto com um especialista, qual é a melhor alternativa.

 

Alimentos sem lactose: vilões ou mocinhos?

 

Assim como o consumo de leite e derivados é comum na dieta dos brasileiros, a má digestão da lactose chega a atingir cerca de 40% das pessoas, segundo dados da sociedade brasileira de pediatria. Isso pode fazer com que as pessoas procurem por alimentos sem esse carboidrato, mas como falamos aqui no blog, eles até são opções, mas além de não terem o mesmo sabor, geralmente têm custos mais elevados e podem causar deficiência nutricional, já que não possuem os mesmos nutrientes que o leite e seus derivados proporcionam ao nosso organismo.

 

Dietas restritivas: devo cortar o leite e seus derivados?

 

Como falamos no tópico acima, a exclusão do leite da dieta pode gerar consequências graves em nossa nutrição. Além de rico em nutrientes, a praticidade e o sabor único faz com que o leite esteja presente na alimentação da família inteira e traga benefícios para todas as idades, como falado aqui nessa matéria do blog. Sendo assim, não se deve optar por uma dieta restritiva, mas optar por alternativas que possibilitem o consumo desse alimento.

 

Enzima lactase – alternativa para continuar consumindo leite

 

E por falar em alternativas, chegou a hora de falar dela, a enzima lactase. A má digestão da lactose ocorre quando nosso corpo não produz essa enzima, que é a responsável por quebrar a lactose e facilitar sua absorção pelo organismo. Por sorte, é possível ingerir essa enzima antes do consumo de alimentos que contenham leite e seus derivados, assim, auxiliando na digestão da lactose.

 

Lactosil – a enzima lactase da Apsen Farmacêutica

 

Lactosil é um suplemento alimentar que contém a enzima lactase. Ela é muito prática e segura, sendo assim, pode ser consumida todos os dias. Para saber tudo sobre Lactosil e conhecer o novo site, é só clicar aqui.

 

Siga Lactosil nas redes sociais

 

Agora que você já sabe tudo sobe a lactose, seus benefícios e efeitos em nosso corpo, e também já conheceu Lactosil, nos siga nas redes sociais. Em nossa página do Instagram e do Facebook você tem acesso a muito conteúdo de qualidade e fica sabendo em primeira mão das novidades.

Mais em Saúde Digestiva